Uruguai vai vacinar cidades da fronteira com Brasil para evitar entrada de nova variante

O Uruguai toma mais uma atitude para se proteger do coronavírus. O governo pretende selar a fronteira com o Brasil para evitar a entrada da variante P.1. O país vai utilizar as vacinas que sobrarem do carregamento de 192 mil doses da Coronavac recebido em 25 de fevereiro para imunizar a população que vive em cidades da fronteira.

A decisão foi divulgada pelo Ministro da Saúde, Daniel Salinas, em suas redes sociais. Ele já recebeu a primeira dose da vacina.

Até este momento, 110 mil pessoas foram vacinadas e pouco mais de 165 mil já estão programadas para receberem suas doses. Ainda não foi divulgado quantas doses estão disponíveis para as cidades da fronteira do Uruguai com o Brasil.

O Uruguai é um dos países que melhor enfrentaram a Covid-19 no mundo. Segundo a Universidade de Johns Hopkins, o país sul-americano registrou 65.527 casos e apenas 666 mortes.

Além da Coronavac, o país começa a vacinar profissionais da saúde com os imunizantes da Pfizer nesta quarta-feira (10).

TV Cultura