STJ decide manter prisão do ex-vereador de Ilhéus Lukas Paiva

 

Nesta terça-feira (22), o Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve a prisão preventiva do vereador afastado de Ilhéus, Lukas Paiva (PSB). A decisão foi por cinco votos a zero, em julgamento de recurso que começou na semana passada.

Lukas está preso desde março deste ano, quando, após 75 dias foragido, se entregou para cumprir a prisão preventiva da justiça de Ilhéus. Lukas Paiva foi presidente da câmara de 2017 a 2018 e já havia sido preso em maio de 2019, no âmbito da Operação Chave E. Os crimes cometidos foram fraudes contábeis e falsificação de documentos.

Verdinho