Serrinha: Estagiária de advogada foi detida com carta na calcinha em presídio

Uma advogada e a estagiária foram encaminhadas para a delegacia de Serrinha depois que uma carta foi encontrada escondida nas partes íntimas da segunda quando entravam no Conjunto Penal da cidade, de acordo com a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap).

De acordo com a secretaria, a advogada exigiu membros da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) no local. Com a chegada destes, o conteúdo da correspondência foi revelado – a Seap não informou do que se tratava, embora tenha classificado como “suspeito”.

O diretor do Conjunto Penal de Serrinha encaminhou as duas para a delegacia, onde foi registrado um boletim de ocorrência. Ninguém ficou preso.

A reportagem procurou a direção da OAB de Serrinha, que afirmou que ainda não foi informada por escrito sobre o fato e por isso não irá se manifestar. (Correio)