Rui confirma conversa com prefeitos por novas medidas restritivas: “alguma coisa precisa ser feita”

Com o aumento de casos de Covid-19 em toda a Bahia e crescimento acelerado da taxa de ocupação dos leitos de UTI, o governador Rui Costa (PT) admitiu em coletiva nesta sexta-feira (21) que vai conversar com os prefeitos da região metropolitana de Salvador, para alinhar novas medidas de restrição para conter o vírus.

O anúncio pode ser feito nos próximos dias.

O governador disse já ter se reunido com prefeitos da região Oeste, que tem números alarmantes de contágio, e que deve se encontrar no fim da tarde de hoje com os prefeitos da RMS para tomar a decisão.

“Ontem, às 10h da noite, tive reunião com prefeitos do Oeste, pretendo fim da tarde me reunir com os prefeitos da região metropolitana. Os números infelizmente se deterioram rapidamente”, lamentou Rui.

O principal fator para o aumento, alerta Rui, é a “irresponsabilidade” de muitos que insistem em desrespeitar as normas sanitárias, inclusive participam de festas e “paredões”.

“Muita luta para reduzir os números ao longo do mês de abril, infelizmente estamos colhendo o fruto da irresponsabilidade de muitos que fazem paredões, aglomeram em galpões […] preciso que levem a sério essa doença, o Brasil hoje já paga um preço muito alto pelo presidente não ter comprado vacina quando foi oferecido pelos laboratórios”, justificou.