Polícia e MP do Rio fazem operação contra milicianos do Escritório do Crime

A Polícia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) iniciaram uma operação nesta terça-feira (30) para cumprir quatro mandados de prisão e 20 de busca e apreensão contra o Escritório do Crime.

O grupo, formado por policiais, ex-policiais e milicianos, é investigado por uma série de homicídios — o atentado contra a vereadora Marielle Franco e o motorista Anderson Gomes é um deles.

Pistoleiros da quadrilha praticam execuções por encomenda há mais de 10 anos, segundo as investigações.

A operação tem como alvo os chefes dessa milícia. Um dos presos nesta manhã é Leonardo Gouveia da Silva, o Paraíba. Ele foi preso em casa na Vila Valqueire, na Zona Oeste do Rio.

A força-tarefa tinha a participação da Delegacia de Homicídios da capital.

G1



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *