PF deflagra operação com 13 mandados em Vitória da Conquista

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta sexta-feira, 26, a segunda fase da Operação Condotieri, que está relacionada a crimes eleitorais cometidos em 2016, por um candidato que foi eleito vereador na cidade de Vitória da Conquista (a 518 quilômetros de Salvador).

Nesta quinta, a operação tem como objetivo apurar a conduta de alguns dos indiciados, que segundo a PF, estão tentando impedir ou empatar a instrução criminal do Inquérito Policial da Operação Condotieri.

A ação conta com 20 policiais federais que cumprem quatro mandados de busca e apreensão, quatro mandados de medidas cautelares diversas da prisão e cinco mandados de intimação, todos em Conquista. Todos os envolvidos irão responder pelo crime do art. 2º, § 1º da Lei 12.850/2013, com pena que varia entre três e oito anos de reclusão.

A Tarde