Opinião: Por que Ipiaú precisa de um anel viário?

BR 330 corta o centro da cidade. Na foto, trânsito no Bairro Aparecida, saída para Jequié

Repercutindo tema que já foi lançado nas páginas do IPIAÚ ONLINE pelo empresário Cezário Costa e pelo nosso articulista Elson Andrade, a necessidade de se implantar um anel viário em Ipiaú é real. A cidade é cortada em seu centro pela rodovia BR 330, tendo que suportar em área urbana o fluxo de uma rodovia federal. É direito da população que deve ser reivindicado pelos nossos representantes junto às autoridades, afinal está inclusive previsto no Plano Diretor do município.

Em Jequié e outras cidades em que o mesmo fato acontece, desvios foram construídos para melhorar o trânsito e favorecer ao desenvolvimento. Não é uma obra barata, mas é imprescindível.

Nota-se claramente que o mapa de Ipiaú tem a forma de um palito. A cidade cresceu estreitada entre dois rios e, dentro desse aspecto, manteve-se limitada em sua ampliação. O crescimento natural de Ipiaú ocorreria a partir da determinação de uma nova área de povoação que nasceria com um anel viário saindo da região da Cascalheira, Bairro Popular e desembocando na Avenida Benedito Lessa, saída para Barra do Rocha, livrando o trânsito da BR-330 do centro da cidade.

De passagem por uma área ainda pouco explorada, a nova via favoreceria a construção de novos empreendimentos em seu entorno, estendendo Ipiaú para novos limites, passo que já foi dado por outras cidades em situação semelhante.

Enquanto isso não acontece, seguimos enfrentando o complicado trânsito de veículos pesados no centro, gerando confusão no trânsito e contribuindo para abalar o nosso já tão sofrido calçamento.

Celso Rommel / Ipiaú Online

Veja mais notícias no Ipiaú Online e siga o Blog no Google Notícias