Netflix exibe beijo gay entre crianças em desenho infantil de classificação livre

A utilização de desenhos e filmes infantis para a promoção da agenda ideológica LGBT tem se tornado cada vez mais comum. Neste cenário, empresas como a gigante do streaming Netflix exercem um papel preocupante, como a exibição de um beijo gay entre crianças em conteúdo de classificação livre.

A cena é exibida no desenho “Os 3 Lá Embaixo: Contos da Arcádia”, o qual retrata a fuga de dois príncipes alienígenas para a Terra. Como é de se esperar, a produção aparentemente inocente não dá sinais de que é um veículo de promoção da causa LGBT, até que o beijo gay aparece.

No contexto da cena, duas crianças ficam desesperadas pelo medo de morrer sem nunca terem beijado alguém, então se beijam. O que parece algo cômico, no entanto, carrega de fundo uma mensagem que vai de encontro aos valores de muitas famílias, especialmente as cristãs, que é a do liberalismo e homossexualismo.

“Estava vendo um desenho com meu filho de 4 anos na Netflix, classificado como livre, e teve uma cena de beijo na boca entre duas meninas. (Elas) acham que o mundo vai acabar e decidem se beijar antes que isso aconteça”, explicou uma mãe para o Pleno News.

A mãe, que não teve o nome revelado pelo editorial, destacou que crianças não possuem discernimento suficiente para distinguir determinados comportamentos, já que ainda estão em processo de formação.

“Achei totalmente inapropriado porque está classificado como livre. Entendo que é uma forma de influenciar comportamento. A mente da criança, semelhante ao corpo, está em formação”, disse ela, indignada com a cena que aprece no episódio 7 da segunda temporada.

“Meu filho tem 4 anos. Ele não tem idade suficiente para entender esse tema. Nós somos cristãos e passamos os nossos valores aos nossos filhos. Ele não tem maturidade para assistir esse tipo de cena”, criticou a mãe.