“Não queremos outros conseguindo”, afirma Trump sobre insumos contra a Covid-19

Em uma declaração polêmica, o presidente americano Donald Trump, afirmou, neste sábado (4), que não permitirá que outros países comprem equipamentos para o combate ao coronavírus. 

Segundo o G1, apoiado por uma lei criada na época da Guerra da Coreia, o político ameaçou empresas privadas caso não atendam as necessidades dos Estados Unidos.

“Precisamos das máscaras. Não queremos outros conseguindo máscaras. É por isso que estamos acionando várias vezes o ato de produção de defesa. Você pode até chamar de retaliação porque é isso mesmo. É uma retaliação. Se as empresas não derem o que precisamos para o nosso povo, nós seremos muito duros”, declarou. 

Máscaras que tinha sido produzidas nos Estados Unidos foram “confiscadas” na Tailândia, segundo informações do ministro do interior da Alemanha, Andreas Geisel. O alemão também afirmou que o governo americano foi responsável por desviar equipamentos que teriam como destino o Brasil e a Europa.