Messi se despede da Copa América com cartão vermelho após briga com Medel;veja vídeo do momento da briga

Acabou de forma melancólica – e polêmica – a participação de Lionel Messi na Copa América. O craque argentino e o zagueiro chileno Gary Medel foram expulsos após se desentenderem em lance aos 37 minutos do primeiro tempo do jogo em Itaquera, que marcou a decisão do terceiro lugar. A Argentina vencia por 2 a 0. O jogo terminou em 2 a 1. Messi não voltou ao gramado para receber a medalha de bronze.

A maior parte dos torcedores em Itaquera se revoltou com a decisão do árbitro. Queriam que o cartão vermelho fosse revisto no VAR e que Messi pudesse seguir em campo. O craque argentino terá de cumprir suspensão nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022.

Foi a segunda expulsão de Messi na carreira. O jogador, que nunca levou um cartão vermelho pelo Barcelona, havia sido expulso apenas uma vez pela seleção argentina, justamente em sua estreia, em 2005, num jogo contra a Hungria.

Na opinião do comentarista Paulo César de Oliveira, a decisão do árbitro paraguaio Mario Díaz de Vivar foi equivocada. Ele entende que apenas Medel deveria ter sido expulso.

– O jogo está numa temperatura altíssima. O Messi dá um empurrão nas costas do Medel, mas o Messi não chega a agredir o Medel. Acho que foi exagerado. Ele foi expulso injustamente – disse Paulo César.

G1