Mega operação encerra festa com mais de 2 mil pessoas em Salvador

Uma mega operação realizada pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedur) em parceria com as Polícias Civil e Militar da Bahia encerrou, na madrugada deste domingo (9), um paredão no bairro do Arenoso, em Salvador. Mais de 2.000 pessoas estariam na festa, segundo a pasta.

O diretor geral de Fiscalização da Sedur, Átila Brandão Júnior, contou que as equipes foram recebidas a tiros por traficantes. Os policiais revidaram e os profissionais conseguiram entrar na região onde ocorria a festa e dispersou a multidão.

Não houve feridos e foram apreendidos equipamentos sonoros. O diretor lembra que havia diversas pessoas sem máscara, aglomeradas e consumindo bebidas alcoólicas no meio da rua.

“Eles estavam desrespeitando a lei do silêncio. Poluição sonora é um crime ambiental. Além disso, pessoas que participam de paredões e não cumprem as medidas restritivas mostram uma total falta de comprometimento com a saúde da população em geral. Acabamos de passar por um dos piores momentos da segunda onda da Covid-19. É preciso ficar alerta e se cuidar e cuidar do próximo”, pediu o diretor.

A Operação Sílere, realizada neste final de semana com o triplo do efetivo em comemoração ao dia municipal de combate à poluição sonora (7/5), já realizou 255 vistorias e apreendeu 40 equipamentos sonoros. Foram encontradas irregularidades no Arenoso, Cabula VI, Narandiba, Mata Escura, Arraial do Retiro e Alto do Coqueirinho.

Bnews