Maragogipe: Prefeita tem contas reprovadas e terá de pagar multa de R$ 103,2 mil

A prefeita de Maragogipe, Vera Lúcia, conhecida por  “Vera da Saúde”, teve as contas de 2017 rejeitadas em sessão desta terça-feira (4) do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM-BA). Por quatro votos a três, o Pleno do TCM aprovou a aplicação de multa no valor total de R$ 103,2 mil, sendo R$ 88,2 mil pela gestora não respeitar o limite de gastos com pessoal estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal, e R$ 15 mil referente a outras irregularidades apontadas em relatório técnico.

 O TCM ainda informou que o município de Maragogipe apresentou uma receita de R$73,2 milhões e uma despesa executada de R$77,5 milhões, apresentando déficit orçamentário de R$4,3 milhões. Além disso, os recursos deixados em caixa não foram suficientes para cobrir as despesas com restos a pagar, o que aponta a existência de desequilíbrio nas contas públicas. O TCM declarou que a prefeitura deve corrigir as irregularidades para evitar a rejeição das contas no último ano de gestão, em razão do descumprimento do artigo 42 da LRF. Ainda cabe recurso da decisão.

BN



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *