Mais de mil policiais civis atuam no São João na Bahia; primeiro dia de festa registra 23 furtos

Foto: Haeckel Dias / ASCOM-PC
Mais de mil policiais civis entre delegados, escrivães, investigadores e servidores administrativos do Departamento de Polícia do Interior (Depin), por meio das diversas unidades e Coordenadorias Regionais de Polícia do Interior (Coorpins), atuam em Delegacias Especiais de Área (DEA), instaladas nos circuitos dos eventos e em unidades territoriais nas cidades onde ocorrem os festejos juninos, durante a Operação São João 2022.

Registros de ocorrências, formalizações de prisões em flagrante, cumprimentos de mandados e até ações investigativas de urgência, são empregadas pelas equipes da Polícia Civil, que reforçam a segurança pública em festejos juninos, dos mais tradicionais, iniciados nesta quarta-feira (22), a exemplo do São João de Santo Antônio de Jesus, de Cruz das Almas e de Amargosa.

No primeiro dia de programação, a Polícia Civil registrou 23 furtos, quatro vias de fato, três prisões em flagrante e lavrou oito Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO), em todos os municípios baianos que estão realizando festejos juninos.

Os postos avançados DEA estão instalados nos circuitos das festas nos municípios de Senhor do Bonfim, Cruz das Almas, Santo Antônio de Jesus, Amargosa, Ibicuí, Irecê, Eunápolis e Porto Seguro. Os eventos também contam com o reforço de oito equipes da Coordenação de Apoio Técnico à Investigação (Cati), tanto das Coordenadorias Regionais de Polícia do Interior (Coorpins), quanto da sede do Departamento de Polícia do Interior (Depin).

Com informações do site Bahia Notícias



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *