Mãe denuncia esquema de prostituição em Ubaitaba e Aurelino Leal

Prost.-InfUm esquema de prostituição vem acontecendo nos municípios de Ubaitaba e Aurelino Leal comandado por um jovem residente em Aurelino Leal. Uma mãe, que prefere manter sua identidade preservada, afirma que um morador de Aurelino Leal está aliciando adolescentes para ingressarem no mundo da prostituição.

Segundo informações do site Ubaitaba Urgente, os clientes vão desde empresários à pessoas comuns. O preço cobrado pelos programas com as menores varia de R$150,00 a R$400,00. Os clientes escolhem as garotas pelo WhatsApp através de fotos enviadas pelo “cafetão”. As adolescentes são levadas para o motel São Paulo em Ubatã. A denúncia já foi encaminhada para o delegado da Polícia Civil, Dr. Izael Fiterman, onde realizará investigação para identificar o explorador sexual dessa adolescentes.

Maraú Notícias