Líder de movimento “antimáscara” nos EUA morre de Covid, aos 30 anos

Reprodução: Facebook

Caleb Wallace, de 30 anos, líder de um movimento antimáscara nos Estados Unidos, morreu no último sábado (28) de Covid-19.

Segundo a imprensa americana, quando ele apresentou os primeiros sintomas, preferiu não fazer o teste de diagnóstico nem procurar ajuda médica — tomou vitamina C, ivermectina, zinco e ácido acetilsalicílico. Segundo os cientistas, esses medicamentos são ineficazes no combate à doença.

Quatro dias depois, no entanto, Caleb foi internado em um hospital de San Angelo, no Texas. Na semana seguinte, ainda dependendo de respiradores, teve uma piora acentuada no quadro e ficou inconsciente. Em vídeos publicados na internet, o americano criticava a realização do RT-PCR, por causa “do alto número de falsos positivos”. Caleb Wallace deixa a mulher, que está grávida, e três filhas.