Líder da oposição critica Rui por não manter congelamento do ICMS sobre combustíveis na Bahia

 

Sandro Régis, líder da oposição na Assembleia Legislativa

O deputado estadual Sandro Régis (Democratas/ União Brasil), líder da oposição na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), defendeu nesta quinta-feira (27) a prorrogação do congelamento do Imposto de Circulação de Mercadorias e Serviço (ICMS) sobre combustíveis no estado e criticou o governador Rui Costa (PT) por não aderir à medida. Em todo o país, 21 governadores decidiram congelar o tributo, mas o chefe do executivo baiano foi um dos que ficaram de fora.

“É lamentável que, num momento como esse, de alta da inflação, de pessoas enfrentando dificuldades, o governador seja um dos poucos a não prorrogar o congelamento do ICMS. O congelamento é uma medida que desafoga um pouco o bolso das pessoas, que já estão sendo prejudicadas com esse aumento abusivo do preço dos combustíveis”, afirmou.

Ascom