LEM: Trabalhadores são mantidos reféns e 120 toneladas de milho são roubadas

Seis homens que trabalhavam em uma fazenda nas proximidades da cidade de Luís Eduardo Magalhães, na Bacia do Rio Grande, foram feitos reféns neste domingo (17) por homens armados com metralhadoras e revólveres invadirem o local. Uma carga com 120 toneladas de milho foi roubada, mas ninguém ficou ferido.

Conforme divulgou o Portal G1, um dos proprietários da fazenda chegou a ver dois caminhões bitrem estacionados na frente da fazenda por volta das 18h50, mas não achou que eram assaltantes. Os homens encapuzados invadiram durante a noite o espaço e fizeram seis funcionários reféns.

Os proprietários da fazenda informaram que os funcionários ficaram amarrados em um cômodo por duas horas. Por volta da meia-noite, os assaltantes desamarraram os homens e obrigaram que eles ajudassem a colocar a carga nos caminhões. A carga e os suspeitos ainda não foram encontrados.