Japumirim: Acusados de matar homem por engano foram presos em operação da Polícia Civil

 

Uma operação da Polícia Civil de Itagibá, sob a coordenação do Delegado Nilo Siqueira, no final da tarde de sexta-feira (07) culminou com a elucidação de um crime de homicídio ocorrido no dia 20 de Abril  último no Japumirim, tendo como vítima Firmino Lino dos Santos Júnior.

Conforme as investigações Firmino teria sido morto por engano. Os acusados pela sua morte: Luiz Santana dos Santos Júnior, vulgo ” Léo Gazo” e Gustavo Bispo de Jesus foram presos, juntamente com Ramon dos Santos.

Eles se encontravam em posse de duas armas de fogo que, conforme a polícia, teriam sido utilizadas para efetuar os disparos que ceifaram a vida da vítima. Ramon, de acordo com as investigações, teria acompanhado a dupla na empreitada criminosa e participado no planejamento do assassinato.

A Polícia Civil de Itagibá já tem o nome da pessoa que deveria ter sido executada no lugar de Firmino.

Na casa onde foram presos os acusados, localizada à Rua Esmeraldo Rocha, foram encontradas pela polícia 39 petecas de substância análoga à  maconha, caracterizando crime de tráfico de drogas.

Já na residência de Ramon, os policiais encontraram duas cédulas falsas de 100 reais, caracterizando o crime de falsificação de moeda

Todos os envolvidos, bem como o material apreendido, foi encaminhado para o Complexo Policial de Itagibá, onde permanecem à disposição da Justiça.

Ipiaú Online