Itagibá: Polícia apreende dinheiro falsificado; três são acusados de repassar as cédulas

A polícia investiga um caso de repasse de cédulas falsificadas de vinte reais ocorrido na cidade de Itagibá.

Por volta das 15hse sabado (22), a guarnição da 55ª CIPM/Itagibá recebeu a informação de que um rapaz de nome Cleiver de Jesus Soares havia recebido uma cédula de vinte reais no estabelecimento comercial Mercado Oliveira, localizado no bairro Gilda Fonseca.

Segundo o rapaz, a cédula foi de um homem de nome Gerson Filho Silva Santos. Ao perceber e identificar que a célula era falsa, Cleiver disse que devolveu a Gerson.

Pouco tempo depois os militares encontraram Gidalvaldo Souto Ferreira, dono de uma padaria, informando que o mesmo Gerson havia tentado passar em seu comércio uma cédula de vinte reais falsa, mas ao perceber que era falsa, devolveu a célula a Gerson.

A guarnição seguiu até o bar de Nilzete, mãe de Jefferson e Gerson, para esclarecer a origem das moedas falsas.

Indagado sobre a origem da cédula que ele tentou passar no comércio, Gerson informou haver recebido de Jefferson, seu irmão. Ao indagar Jefferson, este informou que pegou as células das mãos de Lucas, também morador de Itagibá.

Ao encontrar Lucas, o mesmo informou que recebeu as cédulas falsas na mão de Fabrício Sena Santos também morador de Itagibá.

A guarnição procedeu com diligências, com intuito de localizar Fabrício, mas não o encontrou.

Com Gerson foi apreendida uma cédula de vinte reais e outra cédula rasgada também no mesmo valor.

Com Jefferson foram apreendidas três cédulas falsas de vinte reais e com Lucas não foi encontrada nenhuma célula. Lucas entretanto teria admitido ter passado cinco cédulas de vinte reais para os irmãos Jefferson e Gerson.

Todos foram encaminhados ao Plantão Central em Ipiaú.

Ipiaú Online / Ascom 55 ª CIPM