Ipiaú: Tapetes tradicionais marcaram passagem do Corpus Christi na Praça Rui Barbosa

tapetessppppp
Os tapetes são feitos todos os anos por integrantes da Paróquia de São Roque. Fotos: Ricky Andrade

A tradicional confecção de tapetes em homenagem a passagem do Dia de Corpus Christi nesta quinta feira (26) em Ipiaú chamou a atenção de transeuntes peste ano ela beleza e colorido na Praça Rui Barbosa, em frente à igreja matriz de São Roque.

Tratam-se de figuras delicadas, feitas com serragem de madeira em várias cores, evocando temas da eucaristia.

tapete1p

A confecção de tapetes. Não tem caráter de penitência ou pagamento de promessas. É uma manifestação popular de adoração a Cristo“, explica o professor de teologia Felipe Aquino.

tapete

A passagem pelo tapete tem um significado especial. O ostensório, que armazena o Corpo de Cristo na hóstia, é carregado pelo sacerdote por essas ruas enfeitadas, e os fiéis só podem pisar nesses desenhos após a passagem do padre. É uma representação de que Jesus anda por ali e é recebido com um belo tapete pelas ruas da cidade.

“É também uma evocação bíblica, que narra Jesus entrando em Jerusalém e o povo colocando ramos de oliveira para que Ele passasse por cima. Mas, apesar de fazer memória à entrada de Cristo em Jerusalém, esta procissão não tem ligação com a procissão de ramos, que antecede a Paixão de Cristo.

Ipiaú on Line