Ipiaú: Secretária municipal relata dificuldades para reorganizar saúde pública

meirinhaeducadora

Em contato com o programa Fala Ipiaú, a secretária municipal de saúde, Meirinha Domingues, relatou ter encontrado, ao assumir a pasta, grande carência em recursos humanos e material básico de saúde. ” Também não encontramos veículos. O que vimos foi uma unidade móvel do SAMU parada desde outubro, trazendo grande prejuízo para o atendimento ao público”

Conforme a secretária, vários serviços fundamentais, como o do combate à leishmaniose, já voltaram a ser feitos em Ipiaú, inclusive ela relatou a ocorrência de um caso de leishmaniose calazar, na zona rural do município.

Situações de dificuldade no atendimento ao público foram relatados pela secretária, inclusive no atendimento de pessoas que fazem tratamento foram do domicílio e na reativação de postos de saúde, vários dos quais práticamente parados.

Ipiaú não recebeu doses extras de vacina contra a febre amarela mas, conforme Meirinha, a vacinação contra a doença está acontecendo em dias préviamente agendados nos postos de saúde, já que os lotes de vacina só podem ser usados por quatro horas após abertos.

A secretária também avisou da mudança do Centro de Atenção Psico Social (CAPS) para a Rua Carlos Borges e informou que atualmente todas as unidades de saúde do município já se encontram funcionando com atendimento de profissionais médicos.

Ipiaú on Line