Ipiaú pode aumentar medidas de isolamento para evitar o vírus?

Com medidas importantes que ganharam destaque estadual ( como o call center Disk Covid, trazendo atendimento público direto à comunidade ), o município de Ipiaú na gestão Maria das Graças tem ganhado repercussão na luta contra o coronavírus. A cidade não tem caso oficiais registrado até agora e o comércio está fechado por 15 dias.

Chama a atenção entretanto algumas brechas que poderiam ser tapadas, na intenção de não deixar espaço para que a doença apareça. Uma delas é a manutenção da feira livre do Centro Comercial José Motta Fernandes aos finais de semana, ao contrário do que já acontece em várias cidades do mesmo porte no interior da Bahia, inclusive cidades vizinhas como Ibirataia e Jequié.

Apesar de ser indispensável para o ganha pão do homem do campo, a feira é ponto de aglomeração de pessoas, clientes e comerciantes. A redução no horário de funcionamento ou a distância entre as barracas são meros paliativos para uma possível transmissão da doença.

Outra brecha é aglomeração de pessoas nas agências bancárias e supermercados. Indiferentes ao fato de que a proximidade física se constitui no maior risco de transmissão, cidadãos fazem filas nos bancos e nos caixas de mercado. Uma medida importante seria o estabelecimento de distância mínima entre cada cliente, com fiscalização das autoridades.

Vale a pena lembrar: na vizinha Jequié o município registrou um caso confirmado e, de um dia para o outro, dobraram os casos suspeitos.

O desafio da gestão modelo da prefeita Maria no combate ao vírus é evitar que algo do tipo possa acontecer por aqui.

Celso Rommel / Ipiaú Online



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *