Ipiaú: Pastores da Aliança dos Ministros Evangélicos comentam paralisação de templos durante o toque de recolher

Os pastores evangélicos de Ipiaú, através da Aliança de Ministros Evangélicos de Ipiaú, estão adaptando a rotina de funcionamento de suas congregações aos novos decretos de toque de recolher assinados pelo governador Rui Costas.

Em contato com o programa Jornal da Nova, o pastor Paulo Silva, presidente da AMI, relatou que o funcionamento dos cultos está suspenso pelo meno até o dia 28 de fevereiro. Ele lamentou a morte de líderes evangélicos na região, vítimas da covid-19, o mais recente deles o pastor Genivaldo, de Ipiaú, morador da Vila Irmã Dulce.

“Essa doença não é brincadeira e estamo aqui para conscientizar o nosso povo. Estamos vivendo um momento muito difícil”, comentou. O pastor também fez questão de refutar teorias apocalípticas e fakle news relacionados a vacinação contra a covid-19 que circulam na internet.

O pastor Normando, que também participou da entrevista, exortou a irmandade a manter a fé através de orações e na leitura da palavra de Deus em sua própria casa, utilizando também as redes sociais.

Ipiaú Online