Ipiaú: Grupo busca formar associação para requalificar o Horto Florestal

O professor Eritan Alves, que já atuou como gestor do Cetep do Território Médio Rio das Contas, está encabeçando a luta de um grupo de alunos com o objetivo de se requalificar o horto florestal de Ipiaú, área verde que foi implantada através de ação pioneira em 1964 pelo governo do então prefeito Euclides Neto.

Em contato com o Jornal da Nova, Eritan comentou que a iniciativa visa a criação de uma associação com o objetivo de registrar o desejo popular que deverá ser debatida com a sociedade. ” Não podem ser ações individuais,, mas participativas, com instituições, igrejas e juntos criar-se uma comissão ou instituto específico para gerir aquele horto em convênio com a prefeitura”, disse.

O grupo busca tornar o local área de proteção ambiental, que tornaria as árvores que existem no local protegidas do corte. No dia 27 de janeiro próximo está programada uma limpeza do beco de acesso ao local e no dia 03 de fevereiro um dia festivo com a participação de artistas.

Em tempo, o Horto Florestal, rara área verde urbana em uma cidade baiana, já teve sua área invadida por integrantes do Movimento Sem Teto em 2016.

Ipiaú Online