Ipiaú: Alunos do CEI fecham Avenida Getúlio Vargas em protesto contra falta de professores para deficientes auditivos

Alunos do Colégio Estadual de Ipiaú realizaram na manhã desta sexta feira (15) uma manifestação fechando trecho da Avenida Getúlio Vargas, no centro da cidade. O protesto ocorreu devido à falta de professores formados em libras para lecionarem aos alunos com deficiência auditiva. Com faixas e cartazes, os manifestantes chamavam a atenção para o problema, cobrando urgente solução por parte da Secretaria Estadual de Educação. Na oportunidade também chamaram a atenção para a falta de merenda escolar e da presença de professores de várias matérias.

Conforme representantes do alunado falaram à reportagem do IPIAÚ ONLINE, o problema tem impedido jovens surdos a aprenderem, gerando prejuízo no ano letivo.

A mãe de um dos alunos, Dona Marta, que reside em Ibirataia, comentou que o filho Marcos é assíduo frequentador das aulas mas está ficando triste porque se sente excluído pela falta de um educador que se comunique com ele no idioma próprio. “Estou vendo a hora do meu filho entrar em depressão”, disse.

Mães de alunos participaram do movimento

A vice diretora da escola, professora Cristine Santana, disse que a escola tem hoje apenas um professor com formação em libras atuando mas que são necessários pelo menos quatro para darem conta do trabalho.

Ipiaú Online



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *