Ibirataia: Polícia prende acusados de roubar moto e atirar na vítima; veículos foram recuperados

Após o assalto cometido contra o motociclista Eritan Louzado, de 40 anos de idade, na zona rural de Ibirataia guarnições da 55ª Companhia Independente de Polícia Militar de Ibirataia agiram rápido e conseguiram chegar a elementos acusados do crime, um dos quais, segundo a polícia, teria confessado a participação.

Eritan foi ferido a tiros pelos assaltantes

Na noite desse sábado (12) Eritan teve a sua motocicleta tomada em assalto na saída de Ibirataia para o distrito de Algodão, onde a vítima sofreu um disparo de arma de fogo.

Durante buscas na localidade, os militares receberam denúncias de que numa fazenda na região do Guloso estariam se escondendo os possíveis autores de roubos de motos na região e que também seriam os responsáveis pelo roubo ocorrido.

A partir daí as guarnições fizeram o deslocamento ao local, e ao chegarem se depararam com uma residência onde os autores estariam escondidos.

Adílio conduziu os policiais até as motos roubadas e teria confessado

Ao realizarem as buscas na fazenda e casa, encontraram um revólver calibre 32, uma certa quantidade de substância análoga à cocaína.

De acordo com o relato policial, Adilio Nery teria confessado a participação no roubo informando que seus comparsas haviam fugido ao perceber a aproximação das viaturas. Ele ainda informou o local onde as motocicletas estariam escondidas.

No local indicado encontraram as motocicletas, que foram conduzidos ao pátio da Polícia Civil em Ibirataia.

Adílio e outra acusada, Marizete Silva Santos, foram apresentados a central de flagrantes em Jequié, onde permanecem à disposição da Justiça. Os demais participantes do grupo seguem sendo procurados.

Ipiaú Online / 55ª CIPM