França volta ameaçar ruptura com Mercosul por causa da Amazônia

A ministra do Meio Ambiente da França, afirmou nesta terça-feira (8) que o governo francês não vai assinar o acordo estabelecido entre o Mercosul e a União Europeia. De acordo com o jornal Estado de S.Paulo, a ministra Elisabeth Borne declarou que não pode assinar um tratado comercial com um país que não respeita a floresta amazônica.

“A França não assinará o acordo do Mercosul nessas condições”, disse ela à emissora. Todos os parlamentos das partes envolvidas devem dar aval para que o acordo seja efetivado.

A cachaça de Abaíra, município baiano conhecido como capital da bebida, seria um dos produtos beneficiados pelo acordo de livre comércio firmado entre o Mercosul e a União Europeia. A cachaça baiana encabeça a lista de pedidos de 61 bens exclusivamente brasileiros que o governo pediu que não fossem replicados com o mesmo nome na Europa, caso o acordo se concretize.

Não é a primeira vez que o governo francês faz a ameaça. Em agosto, o presidente Emmanuel Macron confrontou o governo brasileiro ao propor que a política ambiental do Brasil para a Amazônia fosse discutida na reunião do G-7, em Biarritz, em razão das queimadas e índices de devastação da floresta.

BN



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *