Ex-mulher de Pazuello procura a CPI e se oferece para depor

A ex-mulher do ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, de prenome Andréa, procurou a CPI da Covid e se ofereceu para depor. Ela enviou um e-mail elencando pontos que poderia abordar em depoimento sobre os atos do ex-marido. As informações são do colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo.

A CPI da Covid avalia se vai chamá-la. Segundo o colunista, a decisão final de ouvi-la ou não deverá ocorrer em conversa pessoal entre Andréa e o presidente da comissão, o senador Omar Aziz (PSD-AM), que mora em Manaus (AM).

No sábado, 26, o Vice-presidente da CPI, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) informou que vai apresentar uma notícia-crime à Procuradoria-Geral da República (PGR), nesta segunda (28), para pedir investigação do presidente Jair Bolsonaro.

De acordo com o senador, o documento apontará indícios de que Bolsonaro cometeu crime de prevaricação. A PGR deverá avaliar se pede autorização do Supremo Tribunal Federal (STF) para investigar o presidente.