Eduardo Bolsonaro diz não saber se presidente vai se recuperar sem cirurgia

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro, afirmou que ainda não sabe se o pai vai se recuperar sem a necessidade de uma nova cirurgia. “Tem de saber se descarta-se a cirurgia de emergência ou descarta-se a cirurgia porque o intestino dele voltou a trabalhar normalmente”, afirmou em um vídeo.

Eduardo disse que esteve nessa quarta-feira (14) com o presidente no hospital das Forças Armadas, em Brasília, antes da transferência de seu pai para São Paulo. Ele explicou que uma dobra no intestino complicou a saúde do presidente.

“Tem uma dobra ou aderência no intestino que faz com que os alimentos não consigam passar por ali. Isso acabou ‘entupindo’ e formou-se acúmulo de líquidos e acabou indo para o estômago”, detalhou. Segundo ele, o líquido acumulado foi retirado pela equipe médica quando Bolsonaro ainda estava no hospital das Forças Armadas.

Internação
O presidente Jair Bolsonaro está com quadro de obstrução intestinal e foi transferido para São Paulo, nessa quarta-feira. O senador Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ) informou nesta quarta-feira (14) que seu pai, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), chegou a ser levado para uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e precisou ser intubado como precaução.

À rádio Jovem Pan, o parlamentar informou que no início da manhã Bolsonaro estava sem conseguir respirar e estava sendo monitorado para evitar que aspirasse o líquido que estava subindo do estômago. “Foi realmente para uma Unidade de Tratamento Intensiva, para ficar ali em observação, com os cuidados melhores. Chegou a ser intubado, sim, para evitar que ele bronco aspirasse o líquido que tava vindo do seu estômago. Isso já havia acontecido em uma das cirurgias passadas que ele fez. Por precaução, apenas, nada de grave”, tranquilizou Flávio.

O senador disse ainda que de sábado (9) para domingo (10), o presidente havia ficado internado por conta dos soluços constantes, dos quais vem reclamando há mais de dez dias.