CPMI da Fake News: representantes de empresas de redes sociais serão convocados

A Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) das Fake News aprovou, nesta terça-feira (10), requerimentos para a convocação de empresas responsáveis por aplicativos de redes sociais. O colegiado é presidente pelo senador Angelo Coronel (PSD) e tem a deputada federal Lídice da Mata (PSB) como relatora.

Segundo o G1, foram aprovados pedidos de convocação de representantes legais do WhatsApp, do Google, do Twitter, do YouTube, do Instagram, do Facebook e do Telegram.

Também foram aprovadas as convocações de um representante do portal The Intercept Brasil e de uma blogueira feminista. Por se tratarem de convocações, as empresas são obrigadas a enviar representantes para serem ouvidos pelo colegiado



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *