Conceição do Jacuípe: Prefeita e vice são cassados por uso ilegal de cestas básicas

A prefeita de Conceição do Jacuípe, no Portal do Sertão, Normélia Maria Rocha Correia, e o vice- prefeito, Antônio Carlos de Brito, tiveram os mandados cassados pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA). A sentença, publicada nesta terça-feira (12), foi decretada pelo juiz Abraão Barreto Cordeiro, da 192ª Zona Eleitoral. Normélia Correia e Antônio Carlos Brito foram condenados por abuso de poder econômico nas eleições de 2016, quando Normélia Correia foi reeleita.

Na análise da ação, o juiz considerou abuso de poder econômico na distribuição de cestas básicas em proveito da então candidata. Nas ações, uma empresa contratada para coleta de lixo no município auxiliava a distribuição das cestas básicas.

Ainda conforme a decisão, uma servidora municipal ligada à gestora, acompanha as entregas dos produtos, fazendo um gesto expresso com os dedos do número 10, usada pela prefeita nas eleições de 2016.

Duas rodovias federais que cortam a Bahia, a BR-116 e a BR-324, podem ter reajuste no pedágio em até 25%. Segundo a Folha, a posição é do Ministério de Infraestrutura. Atualmente, o valor cobrado para veículos leves nas duas rodovias no estado é de R$ 2,90. Caso o acréscimo chegue ao reajuste máximo, o pedágio pode chegar a R$ 3,62 na malha destas duas rodovias na Bahia, que chega a 680 km.

Segundo o Ministério, os reajustes serviriam para readequar contratos herdados feitos na gestão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Ao todo, outras sete rodovias do Sul e Sudeste seriam beneficiadas pelo reajuste. Ainda segundo a Folha, as concessionárias responsáveis pelas estradas alegam desequilíbrio financeiro e dizem não conseguir investir R$ 7 bilhões em obras de melhoria previstas nos contratos.

BN