Primeira etapa da campanha de vacinação contra o sarampo começa nesta segunda-feira (10)

A primeira etapa de vacinação contra o sarampo em 2020, na Bahia, terá início nesta segunda-feira (10). Neste primeiro momento, o público-alvo será de crianças e jovens de 5 a 19 anos, não vacinados ou com esquema incompleto.

A dose previne contra a tríplice viral, caracterizada, além do sarampo, pela rubéola e a caxumba. A parte inicial da campanha será finalizada no dia 13 de março. Além disso, ação será realizada nos postos de saúde de todos os 417 municípios baianos. O Dia D da campanha será no dia 15 de fevereiro.

Varela

Medicamentos usados contra ebola e malária passam em teste e controlam infecção do novo coronavírus

Cientistas de Wuhan, na China, publicaram na revista “Nature” os resultados de testes com substâncias contra o novo coronavírus 2019 n-CoV. Duas drogas conseguiram controlar a infecção: uma delas é um antiviral com mais de 70 anos; a outra está no radar do governo chinês para estudos em humanos e passa também por testes contra o Ebola.

Inicialmente, a pesquisa testou cinco medicamentos usados contra dois integrantes da família coronavírus que causaram epidemias neste século, a Sars e o Mers. As hipóteses de acerto giram em torno das características repetidas entre os vírus: um outro artigo apontou uma semelhança genética de 79,5% entre a Sars e o 2019 n-CoV.

Após os testes, a cloriquina conseguiu barrar a nova doença em laboratório. O antiviral existe no mercado há mais de 70 anos e é utilizado contra a malária e doenças autoimunes. Ele tem um baixo custo e uma segurança em humanos garantida. O remédio também tem uma capacidade de atuar no sistema imunológico, o que aumenta a eficiência contra a infecção.

(mais…)

OMS confirma 11.953 casos de coronavírus no mundo

A Organização Mundial da Saúde (OMS) atualizou neste sábado (1) o relatório com o número de casos confirmados de coronavírus em todo o planeta. São 11.953 casos. Deste total, 11.821 foram identificados na China. O total de mortos permanece em 259 casos. Todos na China.

De acordo com o balanço divulgado em Genebra, o segundo país com maior número de casos confirmados de coronavírus foi a Tailândia, com 19 registros da doença. Após a Tailândia, vem Japão (17), Cingapura (16), Austrália (12), Coreia (12), Malásia (8), Alemanha (7), Estados Unidos (7), França (6), Vietnã (6), Canadá (4), Emirados Árabes Unidos (4), e Itália, Reino Unido e Rússia (2 casos cada).

No Brasil, segundo balanço divulgado pelo Ministério da Saúde na tarde do sábado, são 16 casos considerados suspeitos. Já foram descartados 10 outros casos. São Paulo é o estado que apresenta maior número de casos suspeitos, com oito ocorrências.

Problemas técnicos da operadora de telefonia interrompem atendimento telefônico do SAMU 192 em Jequié

A Prefeitura de Jequié, através da Secretaria de Saúde, informa que, por volta das 12h desta quarta-feira, 29, problemas técnicos da operadora de telefonia que fornece o serviço ao SAMU Regional 192, ocasionaram a interrupção do sistema da central de atendimento telefônico, impossibilitando, inclusive, o uso de uma linha telefônica normal.

Enquanto os serviços não forem restabelecidos pela operadora, o SAMU de Jequié estará atendendo, provisoriamente, através do número de celular (73) 99192 4925.

Nota do Ipiaú Online: Por volta das 17:30 hs desta quarta-feira (29) o serviço do SAMU via telefone 192 já havia sido normalizado

Bahia: Idoso com suspeita de Coronavírus não se enquadra nos parâmetros da doença, informa Sesab

Um idoso foi levado ao Hospital Municipal Nossa Senhora da Conceição, em Jacaraci, na Bahia, e mais tarde encaminhado ao Hospital Couto Maia, em Salvador, com suspeita de Coronavírus após voltar de uma viagem ao Japão apresentando, desde sexta-feira (25), sintomas como febre, dispnéia e tosse.

Apesar de apresentar sintomas semelhantes, a Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) avaliou o caso e confirmou que não se encaixa nos parâmetros estabelecidos pelo Ministério da Saúde, com base nos protocolos internacionais da Organização Mundial de Saúde (OMS), porém, o paciente continua sendo monitorado.

O idoso, que segue internado, é avaliado com suspeita de síndrome aguda respiratória grave, segundo o Metro1. Outros dois casos são investigados, um em São Leopoldo, no Rio Grande do Sul, e outro em Curitiba, além de um caso em Belo Horizonte que foi anunciado anteriormente.

Precisamos falar de saúde mental

Para a Organização Mundial da Saúde (OMS) a definição de saúde vai além da ausência de doenças. Em outras palavras, para uma pessoa ser considerada saudável ela deve usufruir de um completo bem-estar físico, mental e social.

É a partir dessa conceituação que as discussões sobre saúde mental têm sido colocadas em pauta com maior freqüência, de modo que o conhecimento de fatores que podem provocar o desequilíbrio emocional e psicológico, assim como seus cuidados e tratamentos específicos, permitem a manutenção de estilos de vida mais saudáveis.

(mais…)

“Neste momento, não tem nenhum caso suspeito na Bahia”, diz infectologista sobre coronavírus

Originado na cidade chinesa de Wuhan, o novo coronavírus intensificou a preocupação global após a Organização Mundial de Saúde (OMS) admitir um erro ao classificar o risco de contaminação. Segundo dados oficiais, a doença já fez mais de 80 mortos e infectou cerca de 2,7 mil pessoas. Apesar de não ter nenhum caso confirmado, o Brasil entrou no nível de alerta 1, em uma escala que vai de 1 a 3, e especialistas chamam a atenção de unidades de saúde para que se preparem de forma adequada.

O médico infectologista Antonio Carlos Bandeira disse, em entrevista ao Portal A TARDE, que este é um momento de cuidado para uma possível chegada do vírus no País. “Neste momento, a gente não tem na Bahia nenhum caso suspeito de coronavírus, mas isso não tira a chance de ter alguém infectado aqui em algum momento. Por isso, é fundamental que as unidades de saúde se preparem, para que no momento em que chegar algum doente com potencial de ter coronavírus, que elas possam atender adequadamente sem que eles contaminem outras pessoas”, afirmou.

(mais…)

Brasil: Jovem é internada em UPA com suspeita de coronavírus


Uma jovem de 22 anos foi internada em uma Unidade Pronto-Atendimento (UPA) de Belo Horizonte, com suspeita de infecção pelo coronavírus. Segundo matéria publicada nesta segunda-feira (27), pelo site Uol, a jovem esteve na cidade de Wuhan, na China, e desembarcou em Belo Horizonte na última sexta-feira (24), apresentando problemas respiratórios e febre.

Ainda de acordo com a publicação, ela será transferida para o Hospital Eduardo de Menezes, para ser acompanhada por médicos e pelo Ministério da Saúde.

Na semana passada, uma mulher de 35 anos também chegou de viagem da China e foi internada com suspeita de coronavírus, mas a contaminação foi descartada.

Ministério da Saúde afirma que está em alerta inicial para coronavírus e descarta 5 casos suspeitos

O Ministério da Saúde afirmou, nesta quinta-feira (23), que está em alerta para o risco de transmissão do coronavírus no Brasil. De acordo com a pasta, o nível de alerta é 1 (inicial), em uma escala que vai de 1 a 3. O nível mais elevado é ativado quando são confirmados casos transmitidos em solo nacional. Julio Henrique Rosa Croda, secretário substituto de Vigilância em Saúde, afirmou que cinco casos suspeitos da doença no Brasil foram descartados.

Três cidades chinesas adotaram medidas de quarentena para tentar frear a epidemia. Pequim cancelou as comemorações do Ano Novo chinês.

(mais…)

Estudo contesta uso de maconha no tratamento da dependência de cocaína

O uso recreativo de maconha como estratégia de redução de danos para dependentes de crack e cocaína em reabilitação pode não ser eficaz, é o que mostra uma pesquisa brasileira publicada na revista Drug and Alcohol Dependence.

Dados do artigo indicam que o consumo da erva piorou o quadro clínico dos pacientes, em vez de amenizar, como esperado, a ansiedade e a fissura pela droga aspirada ou fumada em pedra (crack).

O estudo acompanhou um grupo de dependentes por seis meses após a alta da internação voluntária de um mês no Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo (HC-USP). (mais…)

Ministério da Saúde diz que 11 estados poderão ter surto de dengue em 2020


Todos os estados do Nordeste, assim como Espírito Santo e Rio de Janeiro, poderão ter um surto de dengue a partir de março de 2020, afirma o Ministério da Saúde.

“A dengue é uma doença sazonal e o quadro é dinâmico e pode mudar em pouco tempo, mas, no momento, os nove estados do Nordeste e as regiões do Sudeste com grande contingente populacional pouco afetadas em 2019 estão no nosso alerta”, afirmou ao G1 o porta-voz do Ministério da Saúde, Roberto Said.

O Brasil registrou 1.544.987 casos de dengue no ano passado, com 782 mortes, segundo dados da pasta, um aumento de 488% em relação a 2018, um ano considerado atípico pelo Ministério.

Variações de ano a ano
Segundo Said, 2017 e 2018 foram anos com poucos casos de dengue quando comparados a 2015 e 2016.

“Isso aconteceu porque circulou, em todos esses anos, o mesmo sorotipo do vírus da dengue. E quando uma pessoa é infectada pela dengue, ela estará imune aquele determinado sorotipo pra sempre, mas não aos outros sorotipos da doença”, afirma.

(mais…)

SUS passa a oferecer novas doses de vacinas em 2020 – veja quem terá direito

O SUS passa a oferecer novas doses de vacinas em 2020 – veja quem terá direito. A partir de 2020, o Sistema Único de Saúde (SUS) passará a ofertar uma dose de reforço da vacina de febre amarela para crianças com quatro anos de idade.

Além disso, o Ministério da Saúde irá ampliar, gradativamente, a vacinação contra febre amarela para 1.101 municípios dos estados do Nordeste que ainda não faziam parte da área de recomendação de vacinação.

Dessa forma, todo o país passa a contar com a vacina contra a febre amarela na rotina dos serviços. As novas diretrizes sobre as Campanhas Nacionais de Vacinação foram enviadas pela pasta aos estados e aos municípios em novembro deste ano para que estejam preparados para as ações do próximo ano.

(mais…)

Ipiaú: Secretaria de Saúde realiza blitz educativa sobre o “Dezembro Vermelho”

Buscando sensibilizar a população sobre a prevenção e o tratamento precoce contra o HIV (Vírus da Imunodeficiência Humana), a Aids (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida) e outras Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST), a Secretaria Municipal de Saúde desenvolve em Ipiaú a campanha Dezembro Vermelho que também acontece em todo território nacional por orientação do Ministério da Saúde.

O período foi escolhido em razão do Dia Mundial contra a Aids, celebrado no mundo inteiro na data de 1º de dezembro. A mobilização em Ipiaú vem acontecendo através de palestras, testes rápidos e demais procedimentos necessários para evitar o avanço das enfermidades. Nesta sexta-feira, 13, será realizada uma blitz educativa na Praça Rui Barbosa, com a distribuição de folhetos e orientação para que as pessoas procurem a unidade de saúde para fazer o teste.

Secretaria Municipal de Saúde Meirinha Alves

A Secretária de Saúde, Meirinha Alves, alerta para a importância da adesão ao tratamento, pois “quanto mais precoce e adequado ele for, a carga viral, que é a quantidade de HIV no organismo, será indetectável, impedindo a pessoa de adoecer, desenvolver Aids e até mesmo de transmitir o vírus para outra pessoa, tornando-se, também, importante aliado na prevenção de novos casos”.

Meirinha lembra que o resultado positivo não significa que a pessoa está desenvolvendo a doença. A secretária explica que a prevenção se dá com a combinação de diversas estratégias, a exemplo do uso da camisinha, seringas e agulhas descartáveis, evitando compartilhar barbeadores e alicates de fazer unha, e fazer o teste, além de realizar o tratamento adequado.

Atualmente existem em Ipiaú 75 pessoas que convivem com o vírus do HIV. O aumento da oferta de testagem na rede pública e detecção precoce das ocorrências, tem contribuído com a redução dos casos de Aids. (José Américo Castro/Dircom Prefeitura de Ipiaú).

Você sabia que algumas alergias podem ser prevenidas por meio de vacinas?

Boa notícia para quem sempre sonhou em ter um cachorro ou gatinho peludo: a vacina contra pelos de animais está sendo desenvolvida nos Estados Unidos. As demais já estão disponíveis no Brasil por via injetável e oral (sublingual). São elas: fungos, ácaros da poeira, veneno de inseto e pólen.

Um estudo atestou a eficácia em 281 portadores de rinite alérgica, com a idade mínima de 3 anos, tratados ao longo de 14 meses: 79% tiveram melhora dos sintomas. Ao fornecer doses crescentes da substância à qual o alérgico é sensível, as vacinas (o nome técnico é imunoterapia) “ensinam” o organismo a tolerar o agressor, segundo o coordenador da pesquisa, Edmir Américo Lourenço, professor da Faculdade de Medicina de Jundiaí, no interior paulista.

Boa Forma

Seu filho está se cortando ? O auto dano sempre é um sinal

“Automutilação de adolescentes desafia médicos e cientistas” Benedict Carey Site: Terra
O auto dano, principalmente entre garotas adolescentes, tornou-se tão disseminada tão rapidamente que os cientistas e psicólogos agora estão tentando estudar mais á fundo este fenômeno. Cerca de um em cada cinco adolescentes revela ter se machucado para aliviar a dor emocional pelo menos uma vez.
A automutilação não suicida é um ato que causa dor ou danos superficiais ao próprio corpo, mas não tem a intenção de causar morte.

(mais…)