Olimpíada: Brasil vence a Espanha e é bicampeão olímpico no futebol masculino

Levou 116 anos, mas o Brasil tomou gosto pela medalha de ouro no futebol masculino. Depois do primeiro título, em 2016, o país se tornou bicampeão neste sábado, nos Jogos de Tóquio. A seleção treinada por André Jardine bateu a Espanha por 2 a 1, em Yokohama, no mesmo estádio onde foi pentacampeão mundial, com gols de Matheus Cunha e Malcom. Oyarzabal fez o gol da Fúria.

Com isso, o Brasil se torna o segundo maior vencedor do torneio olímpico, com dois ouros, atrás apenas de Reino Unido e Hungria, que possuem três medalhas douradas. No número total de idas ao pódio, com sete, o país já lidera no futebol masculino. A medalha de bronze no futebol masculino nos Jogos de Tóquio ficou com o México, que venceu o Japão por 3 a 1. (mais…)

Baiana de 29 anos é ouro na maratona aquática em Tóquio

A espera acabou. Depois de quatro ciclos olímpicos, Ana Marcela Cunha, de 29 anos, colocou em sua gigantesca galeria de conquistas uma medalha no maior evento esportivo do planeta. A baiana levou um ouro histórico na manhã desta quarta-feira em Tóquio (noite de terça no Brasil) nos 10km no Odaiba Marine Park com o tempo de 1h59min30s08.

– Finalmente! Por mais nova que eu fui em 2008, esse é meu quarto ciclo olímpico. Vindo de uma frustração muito grande com uma não classificação, uma frustração no Rio. Acreditem nos seus sonhos.

(mais…)

Nos pênaltis, Brasil vence México e vai à final do futebol nas Olimpíadas

O Brasil está na final do futebol masculino nos Jogos Olímpicos de Tóquio. A seleção venceu o México nos pênaltis após 120 minutos sem gols. O adversário na grande final será a Espanha, que bateu o Japão na outra semifinal por 1 a 0, com gol de Asensio.

O México segue sendo um adversário complicado para o Brasil nas Olimpíadas. Mesmo com domínio do jogo, a Seleção Brasileira não conseguiu furar a defesa mexicana.

Apesar de estar o tempo todo no campo de ataque, os brasileiros enfrentaram uma forte linha de cinco nos 120 minutos, custou a conseguir uma chance. Na melhor oportunidade do jogo, Richarlison cabeceou bonito, mas parou na trave.

(mais…)

Ítalo Ferreira supera japonês e conquista o ouro para o Brasil no surfe

A primeira medalha de ouro do Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio veio nas águas de Chiba. Com muita habilidade, o potiguar Ítalo Ferreira superou o japonês Kanoa Igarashi na final do surfe masculino e chegou ao ápice do sonho dourado na madrugada desta terça-feira (27).

Após uma campanha sólida, Ítalo encarou o anfitrião, que havia eliminado o brasileiro Gabriel Medina nas semifinais. Apesar de quebrar a prancha no início da disputa, o atleta esteve durante todo o tempo na frente do somatório das notas e ficou com 15,14, enquanto Igarashi ficou com 6,60.

(mais…)

Brasil constrói virada espetacular e vence Argentina pelo vôlei masculino por 3 sets a 2

Após perder os dois primeiros sets para a Argentina na manhã desta segunda-feira, 26, o Brasil achou forças para construir uma virada épica para cima do país vizinho e conquistar a sua segunda vitória nas Olimpíadas de Tóquio.

Com o placar de 3 sets a 2, parciais 19/25, 21/25, 25/16, 25/20 e 16/14, os atuais campeões olímpicos se colocam em posição confortável para buscar a classificação para a próxima fase do torneio já que encara três páreos duros nos próximos confrontos: Rússia, Estados Unidos e França.

A vitória mantém o Brasil na parte de cima da classificação do grupo B, ao lado da Rússia, também com dois triunfos. Os russos, inclusive, são os próximos adversários da seleção em jogo que acontecerá na próxima quarta-feira, 28, às 9h45. No resto do grupo, França e Estados Unidos somam uma vitória cada. Argentina e Tunísia seguem zeradas.

A Tarde