“Se não posso trocar o superintendente da PF, troco o diretor-geral”, diz Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) voltou a defender nesta quinta-feira (22) seu direito de intervir na Polícia Federal e disse que, se não puder trocar um superintendente do órgão, pode mudar o diretor-geral. “Agora há uma onda terrível sobre superintendência. Onze [superintendentes] foram trocados e ninguém falou nada. Sugiro o cara de um estado para ir para lá: ‘Está interferindo’. Espera aí. Se eu não posso trocar o superintendente, eu vou trocar o diretor-geral”, afirmou. A declaração foi feita na saída do Palácio da Alvorada, ao ser questionado se ele pretendia retirar Maurício Valeixo da diretoria-geral da PF.

“Se eu trocar hoje, qual o problema? Está na lei que eu que indico e não o Sergio Moro. E ponto final”, afirmou, em mais um atrito público com o ex-juiz federal e hoje ministro da Justiça. Os atritos entre Bolsonaro e a PF rementem à semana passada. O presidente pegou a corporação de surpresa ao dizer espontaneamente em entrevista que Ricardo Saadi, superintendente da PF no Rio, seria trocado por questões de gestão e produtividade. A corporação logo reagiu e divulgou uma nota negando que a mudança tivesse a ver com a conduta do superintendente. A partir disso, Bolsonaro passou a repetir que as mudanças precisam passar por sua análise para que ele, por exemplo, não seja um “presidente banana”.

(mais…)

PF caça 21 por fraudes a licitações e desvios de R$ 100 mi no Porto de Santos

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta, 22, a Operação Círculo Vicioso, segunda fase da Operação Tritão, para desarticular um grupo que fraudava licitações e contratos públicos na Companhia Docas do Estado de São Paulo. Segundo a PF, o esquema causou prejuízo de mais de R$ 100 milhões à empresa. Agentes cumprem 21 mandados de prisão temporária e 24 mandados de busca e apreensão nas cidades de São Paulo/SP, Santos/SP, Guarujá/SP, Ilha Bela/SP, Bragança Paulista/SP, Serra Negra/SP, Duque de Caxias/RJ e Fortaleza/CE. As ordens foram expedidas pela 5ª Vara da Justiça Federal de Santos.

A ação tem apoio da Controladoria Geral da União e do Ministério Público Federal. A Polícia Federal indicou que, com base em provas obtidas durante a Operação Tritão, colaborações premiadas e informações de membros da atual Diretoria da CODESP, conseguiu comprovar as fraudes inicialmente investigadas pela primeira fase da operação, desencadeada em outubro de 2018. Segundo a corporação, foram identificadas ainda outras fraudes que continuaram sendo executadas mesmo após a prisão de alguns membros da organização criminosa. Os investigados podem responder pelos crimes de organização criminosa, associação criminosa, fraude a licitações e corrupção ativa e passiva, indicou a PF.

Câmara aprova projeto que amplia posse de arma em propriedade rural


O Plenário da Câmara aprovou na noite da quarta-feira (21), por 320 votos a 61, o Projeto de Lei 3.715/19, que autoriza a posse de arma em toda a extensão de uma propriedade rural. A medida garante ao dono de uma fazenda, por exemplo, o direito de andar com uma arma de fogo em qualquer parte de sua propriedade. Atualmente, a posse só é permitida na sede.

Durante a votação, os deputados rejeitaram uma emenda que permitiria incluir no projeto de lei um dispositivo que alteraria o Estatuto do Desarmamento para garantir porte de arma ao proprietário rural.

A segurança no campo foi o elemento central durante as discussões do projeto da proposta. Os defensores da proposta argumentaram que os agricultores precisam ter condições de se defender da criminalidade, enquanto os que se posicionavam contra o PL diziam que a medida poderia agravar a violência no campo.

(mais…)


Doria diz que ‘PSDB escolheu lado errado’ após decisão de manter Aécio no partido


O governador de São Paulo, João Doria, afirmou, na noite de ontem (21), que a decisão de manter Aécio Neves no PSDB não foi correta e lamentou a escolha.

“O PSDB escolheu o lado errado. Lamento a decisão da maioria dos membros da Executiva que votou a favor da manutenção de Aécio Neves na legenda. Respeito a votação, mas ela não reflete o sentimento da opinião pública brasileira”, escreveu ele no Twitter.

Após os diretórios estadual e municipal enviarem pedido de expulsão de Aécio, a Executiva Nacional da sigla se reuniu ontem e decidiu pela permanência do deputado federal.

Ex-executivo da Odebrecht é preso em nova fase da Lava Jato

O ex-executivo da Odebrecht Maurício Ferro foi preso na manhã desta quarta-feira (21) na 63ª fase da Operação Lava Jato. O advogado Nilton Serson também é alvo de mandado de prisão, mas está nos Estados Unidos.

Na casa de Ferro, em São Paulo, foram apreendidas quatro chaves de criptografia que podem dar acesso a pastas do sistema de propina da Odebrecht com conteúdo desconhecido pela Polícia Federal (PF).

Segundo a PF, além dos dois mandados de prisão temporária, pelo prazo de cinco dias, também foram cumpridos 10 mandados de busca e apreensão em São Paulo e na Bahia. Bernardo Gradin, ex-presidente da Braskem, é um dos alvo de buscas.

(mais…)


Blogueira que comemorou morte de neto de Lula pede dinheiro nas redes sociais para se defender de processo

De acordo com a colunista Fábia Oliveira, a blogueira Alessandra Strutzel, que classificou a morte do neto de 7 anos do ex-presidente Lula como “uma notícia boa”, criou uma vaquinha nas redes sociais para conseguir pagar a indenização movida pela família do ex-presidente.

Strutzel abriu uma vaquinha virtual com a meta de R$ 50 mil, mas por enquanto não recebeu nada. Ela diz que conseguiu cerca de R$ 1 mil através do grupo LDRV, mas comentários em postagem feita pela blogueira demonstraram o contrário, que o grupo não se dispôs a financiar a indenização após a publicação maldosa.

“Preciso de ajuda em qualquer quantia pra me ajudar no processo que o ex presidente da República, Luis Inácio Lula da Silva, moveu contra minha pessoa por conta de um comentário isolado. Estou desesperada, tenho mãe acamada, me arrependi. Preciso levantar essa grana urgente”, postou em seu Facebook.

Fim de sequestro de ônibus no Rio: criminoso é morto por sniper do Bope

Chegou ao fim o sequestro do ônibus da Viação Galo Branco na Ponte Rio-Niterói. O criminoso, que segundo a Polícia MIlitar estava com uma arma de brinquedo, foi alvejado e morto por um sniper do Bope. Nenhum refém ficou ferido.
O coronel Mauro Fliess, porta-voz da Polícia Militar, confirmou a morte do sequestrador que foi atingido por tiros disparados por sniper. “Essa é a polícia que queremos ver. Foi necessário o disparo do sniper para neutralizar o marginal. Estamos prestando solidariedade e cuidando da saúde de todos os reféns. Quero parabenizar todos os envolvidos da operação. Nenhum refém ficou ferido e eles estão rebendo atendimento médico e psicológico necessários”, confirmou.
 A Tribuna de Niterói

Homem faz passageiros de ônibus reféns na ponte Rio-Niterói

Um homem faz passagerios de um ônibus reféns na ponte Rio-Niterói, no sentido Rio de Janeiro nesta terça-feira (20). Duas passageiras foram liberadas, mas o motorista e outros passageiros continuam dentro do veículo.

O ônibus, que faz o trajeto Jardim Alcântara-Estácio, foi atravessado na ponte por volta das 6h. A ponte Rio-Niterói está totalmente interditada, no sentido capital, na altura do vão central.

A Polícia Militar e a Polícia Rodoviária Federal foram acionados para ocorrência. Às 7h, o Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais) também chegou ao local.

De acordo com informações da Record TV, o suspeito teria se identificado como policial militar antes de entrar armado no veículo. Segundo a polícia, suspeito está ameaçando colocar fogo no local.

R7

Taxista devolve mais de R$ 70 mil em dinheiro que turista esqueceu no seu carro

O taxista Rafael Carneiro de Araújo, devolveu US$ 18 mil dólares a três turistas que esqueceram a quantia em seu carro, na cidade de Fortaleza. O valor convertido na moeda brasileira fica estimada em R$ 72 mil. Rafael pegou os clientes por meio do aplicativo do Sindicato dos Taxistas do Ceará, Sinditaxi, no Aeroporto Internacional Pinto Martins e seguiram para um hotel na Praia de Iracema. O motorista revelou que ouviu a conversa dos três passageiros, que em inglês, disseram estar transportando a quantia para fazer investimentos na capital cearense.

Quando se deu conta de que eles haviam esquecido o dinheiro em seu carro, Rafael foi até o hotel onde deixou os turistas, mas foi informado que o trio estava no aeroporto. Ele então foi até lá e devolveu a quantia aos seus donos e ainda recusou uma recompensa de R$ 50. “Só quem sabia do dinheiro era eu. Entreguei a mochila ao devido dono. Eles quiseram me dar 50 reais. Insistiram para aceitar e pediram meu cartão. Eu não aceitei, e eles jogaram o dinheiro no meu táxi”, disse o motorista para a revista Veja.

(mais…)

Ministra Damares Alves declara que Feira de Santana é um exemplo para o Brasil em atenção ao idoso

A ministra da Mulher, Familia e Direitos Humanos, Damares Alves afirmou no sábado (17), que a cidade de Feira de Santana é um exemplo em atendimento ao idoso. Ela participou da inauguração da nova sede do Centro de Convivência Zazinha Cerqueira no bairro Muchila. Damares Alves que por dez anos morou em Feira de Santana disse que estava alegre de voltar à cidade e presenciar a atenção e o respeito que Feira de Santana tem com os idosos.

“O que está acontecendo aqui hoje pode ser um exemplo pra o Brasil. O ministério está inaugurando um dos projetos nessa obra do centro de convivência que é o Programa Viver. A inclusão do idoso na tecnologia e também a educação financeira, a educação alimentar. Estamos também fazendo outras parcerias que é o espaço 4.0, de qualificação de jovens para o mercado de trabalho, além de outras iniciativas, como o apoio ao trabalho com pessoas com deficiência”, acrescentou. (mais…)

Promotoria investiga ministro do meio ambiente por enriquecimento ilícito

O Ministério Público de São Paulo abriu inquérito para apurar suspeita de enriquecimento ilícito do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles. A informação foi publicada pelo jornal O Estado de S. Paulo neste sábado (17). De acordo com o jornal, a investigação está concentrada no período entre 2012 e 2017, quando alternou a atividade de advogado com cargos no governo paulista.

A Justiça já negou duas vezes pedidos da Promotoria para a quebra de sigilo bancário e fiscal do ministro. A investigação começou em julho, após a representação de uma empresa chamada Sppatrim Administração e Participações.

(mais…)

Bolsonaro precisa ‘superar os complexos que traz do passado’, diz Bebianno

O ex-ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gustavo Bebianno, que foi um dos assessores mais próximos do presidente Jair Bolsonaro durante a campanha eleitoral, credita o estilo “eu que mando” do presidente a “complexos que ele traz do passado”. A declaração foi dada à coluna de Mônica Bergamo, na Folha, hoje (17).

“O presidente tem revelado extremo grau de insegurança. Essa coisa de querer mostrar, a ferro e fogo, todo o tempo, que é ele quem manda, sem escutar a ninguém e sem aceitar qualquer tipo de ponderação, é muito ruim para o nosso país. O presidente precisa superar os complexos que traz do passado e mostrar maior grandeza de espírito”, diz Bebianno. (mais…)

Delegados cogitam demissão coletiva após Bolsonaro tentar intervir na PF do Rio

Após a tentativa do presidente Jair Bolsonaro de interferir na indicação do Superintendente da Polícia Federal no Rio de Janeiro, delegados da cúpula da corporação passaram a desconfiar do chefe do Executivo nacional.

Segundo a coluna de Mônica Bergamo, na Folha, eles não descartam um pedido de demissão coletiva, caso Bolsonaro insista em intervir na PF. Um dos policiais mais prestigiados na corporação afirmou não se recordar de nada parecido vindo de qualquer outro presidente desde a redemocratização. Os oficiais avaliam que aceitar ingerências de Bolsonaro significará uma ameaça à autonomia da corporação.


Michelle está arrasada, diz Bolsonaro após revelações sobre família

A primeira-dama, Michelle Bolsonaro, está arrasada e abatida com a publicação de histórias envolvendo sua família, entre elas a divulgação de que sua avó foi presa por tráfico de drogas e que dois tios maternos enfrentam problemas com a polícia, afirmou nesta sexta (16) o presidente Jair Bolsonaro.

Ao sair de um evento no Palácio do Planalto, Bolsonaro reconheceu que as reportagens publicadas pela revista Veja e pelo jornal Metrópoles sobre a família da primeira-dama são verdadeiras. O presidente questionou, no entanto, o “ganho jornalístico” com a divulgação das informações.

(mais…)

Bolsonaro manda suspender o uso de radares nas rodovias federais

O Presidente da República, Jair Bolsonaro, determina ao Ministério da Justiça e Segurança Pública, por meio de despachos publicados nesta quinta-feira (15) no Diário Oficial da União, que suspenda o uso de radares fixos, móveis e portáteis até que o Ministério da Infraestrutura “conclua a reavaliação da regulamentação dos procedimentos de fiscalização eletrônica de velocidade em vias públicas”.

De acordo com o documento, a medida tem por objetivo “evitar o desvirtuamento do caráter pedagógico e a utilização meramente arrecadatória dos instrumentos e equipamentos medidores de velocidade”.

O despacho do presidente pede também que o ministério “proceda à revisão dos atos normativos internos que dispõem sobre a atividade de fiscalização eletrônica de velocidade em rodovias e estradas federais pela Polícia Rodoviária Federal.