Brasil passa de 125 mil mortes por Covid com curvas em queda em 15 estados

O consórcio de veículos de imprensa divulgou novo levantamento da situação da pandemia de coronavírus no Brasil a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde, consolidados às 20h desta sexta-feira (4).

O país registrou 855 mortes pela Covid-19 confirmadas nas últimas 24 horas, chegando ao total de 125.584 óbitos. Com isso, a média móvel de novas mortes no Brasil nos últimos 7 dias foi de 856 óbitos, uma variação de -14% em relação aos dados registrados em 14 dias.

Em casos confirmados, já são 4.086.716 brasileiros com o novo coronavírus desde o começo da pandemia, 40.566 desses confirmados no último dia. A média móvel de casos foi de 39.722 por dia, uma variação de +5% em relação aos casos registrados em 14 dias.

No total, 3 estados apresentaram alta de mortes: AM, RO e TO. Em relação a quinta (3), RS e AP estavam em estabilidade e, hoje, estão em queda. RO estavam em estabilidade e, hoje, está em alta.

Amazonas e Pernambuco tiveram inclusões ou correções recentes em seus dados. No AM, mais de 200 óbitos de meses anteriores foram reclassificados pela Secretaria Municipal de Saúde de Manaus como óbitos por Covid-19. Em PE, houve revisão de dados que resultou na retirada de 299 casos graves e 65 mortes por Covid-19 dos totais acumulados.

Brasil, 4 de setembro
Total de mortes: 125.584
Registro de mortes em 24 horas: 855
Média de novas mortes nos últimos 7 dias: 856 por dia (variação em 14 dias: -14%)
Total de casos confirmados: 4.086.716
Registro de casos confirmados em 24 horas: 40.566
Média de novos casos nos últimos 7 dias: 39.722 por dia (variação em 14 dias: +5%)

(Antes do balanço das 20h, o consórcio divulgou dois boletins parciais, às 8h, com 124.746 mortes e 4.047.790 casos; e às 13h, com 124.922 mortes e 4.054.474 casos confirmados.)

Estados
Subindo: AM, RO e TO.
Em estabilidade, ou seja, o número de mortes não caiu nem subiu significativamente: PR, SP, GO, MS, MT, PA, RR, CE e MA.
Em queda: RS, SC, ES, MG, RJ, DF, AC, AP, AL, BA, PB, PE, PI, RN e SE.
Essa comparação leva em conta a média de mortes nos últimos 7 dias até a publicação deste balanço em relação à média registrada duas semanas atrás.

G1