Bolsonaro anuncia que vai revogar decreto sobre privatização de unidades básicas de saúde

O presidente Jair Bolsonaro afirmou na tarde de hoje (28) em rede social que revogou o decreto que autorizava o Ministério da Economia a realizar estudos sobre a privatização de unidades do Sistema Único de Saúde (SUS).

A revogação da medida será publicada nas próximas horas, em edição especial do Diário Oficial da União. O presidente criticou as avaliações de que os estudos poderiam resultar em um tipo de privatização do SUS, o que ele nega que pudesse ocorrer.

Mais cedo, após repercussão negativa, o governo federal divulgou uma nota esclarecendo que o decreto “não representa qualquer decisão prévia” sobra a privatização do SUS. Na manhã de hoje, termos como “#DefendaoSUS”, “Privatizar o SUS” e “#SUSPublico” estavam entre os cinco assuntos mais mencionados no Twitter.

Metro 1