Anvisa permite início de testes clínicos para tratamento de pneumonia causada pelo novo coronavírus

 

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou o início dos testes clínicos para tratar a pneumonia causada pela infecção do novo coronavírus. A pesquisa será desenvolvida pela empresa Merck, com o uso da molécula M5049.

Conforme a Agência Brasil, o objetivo do estudo é analisar se a utilização dessa molécula é eficaz para impedir ou melhorar a resposta inflamatória em pacientes com Covid-19, que desenvolvem a pneumonia. A expectativa é investigar se o tratamento podem barrar a progressão para um quadro mais grave, e se pode reduzir as complicações causadas pela doença.

A autorização, publicada pela Anvisa no último dia 21, tem validade até o próximo dia 13 de novembro. A princípio, a M5049 será investigada em um estudo controlado por placebo (formulação sem efeito farmacológico), nos Estados Unidos e no Brasil.