Anagé: Mais um cigano acusado de envolvimento com mortes de policiais morre em confronto com a PM

A polícia matou mais um cigano que teria envolvimento nas mortes do tenente Luciano Libarino Neves, 34 anos, e do soldado Robson Brito Matos, 30. Ele foi morto na manhã desta sexta-feira (30), na cidade de Anagé. Ele é o oitavo cigano morto por suspeita de envolvimento no crime.

De acordo com informações divulgadas pela Secretaria da Segurança Pública (SSP-BA), o cigano estava tentando invadir residências na localidade de Lagoa Grande. Moradores teriam denunciado a ação.

Ainda segundo a versão da polícia, o homem estava com um revólver calibre 38, munições e uma faca do tipo peixeira. Ele e outros três ciganos foram cercados por equipes da Cipe Central e da 79ª CIPM, quando, segundo a polícia houve uma troca de tiros.

O cigano foi baleado e não resistiu aos ferimentos. Segundo a polícia, na ação foi recuperada a a pistola do soldado Robson Brito de Matos, roubada após ele ter sido morto.