Acusado de manter a namorada em cárcere privado foi preso no interior da Bahia

Uma operação integrada das polícias Militar e Civil resultou na prisão de um homem de 24 anos acusado de agredir e manter a ex-namorada, de 16 anos, em cárcere privado. A ação foi realizada no início da tarde desta terça-feira (1º), no município de Capela do Alto Alegre (Ba), a 235 quilômetros de Salvador.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-Ba), as buscas pelo criminoso foram iniciadas nesta segunda-feira (31), após a denúncia da mãe da vítima à Delegacia Territorial (DT) do município.

Sem sucesso no primeiro dia de investigação, no seguinte, a moto usada no sequestro foi encontrada por equipes da PM numa via de ligação entre a cidade e o município vizinho, Pintadas.

No local, moradores relataram que viram uma “garota andando desorientada, assustada e com marcas de agressão por todo o corpo”. A partir das indicações, ela foi localizada e socorrida ao Hospital São Lucas, em Capela. Após ter sido medicada e acalmada, a adolescente prestou depoimento e falou sobre as agressões. Segundo ela, o homem a batia com pedaços de madeira e, com medo de chamar a atenção dos vizinhos, ele a deixou escapar.

Na terça, policiais civis encontraram o esconderijo do agressor e o capturaram. Ele foi preso, autuado por lesão corporal, ameaça, tentativa de feminicídio e injúria, por conta das ameaças que ele enviava pelo WhatsApp à vítima. O acusado aguarda uma decisão judicial em uma delegacia de Serrinha.

Metro1