Sandro Régis defende unificação das oposições e vê com “bons olhos” nome de Jutahy para a chapa

Com dois candidatos (João Gualberto e Zé Ronaldo) a disposição para enfrentar o governador Rui Costa (PT) na eleição deste ano, a oposição na Bahia pretende buscar o fortalecimento da chapa com a unificação do grupo. Ao menos, é que torce a maioria dos oposicionistas da Assembleia Legislativa da Bahia. Questionado sobre o assunto o deputado Sandro Régis (DEM), ex-líder da oposição na Casa, disse que torce “para que a unificação se ajuste o mais rápido possível”. “Vejo como algo fundamental para que possamos mostrar a unidade no grupo”, disse nesta segunda-feira (21) .

Indagado sobre a montagem da chapa, Régis apostou em Zé Ronaldo (DEM), ex-prefeito de Feira de Santana e seu correligionário e ressaltou que vê com “bons olhos” o nome do deputado federal Jutahy Magalhães (PSDB) para o Senado.

“Homem de expressão para representar a Bahia no Senado Federal. Neste momento em que há um desgaste grande entre os parlamentares, Jutahy reúne as qualidades para representar os baianos.

Ainda conforme Sandro Régis, Zé Ronaldo reúne as melhores condições para ser o candidato do governo das oposições.

O Estado da Bahia