Itagibá:Novo delegado assume e já anuncia implantação de nova ferramenta de trabalho

A partir da quarta-feira (04) a Delegacia de Itagibá passou a ser liderada pelo delegado Doutor Nilo Siqueira, ex-delegado de Jequié. Ele assumiu o lugar de Doutora Grazielle Quaresma, que atuou em Itagibá durante mais de um ano, e que agora segue para a coordenadoria da 9° Coorpin onde irá auxiliar o atual coordenador Dr. Fabiano Aurich.

A chegada do novo delegado foi recepcionada por policiais da delegacia, autoridades políticas do município e imprensa local

O delegado salientou que está à disposição do município e dará continuidade ao trabalho realizado por Doutora Grazielle Quaresma. “Estamos aqui para somar esforços e vamos trabalhar em parceria com a Guarda Municipal e a Polícia Militar. Essa integração é muito importante para garantir a segurança de toda a população”, ressaltou.

Durante entrevista ao repórter Mateus Oliver, a ex delegada da cidade fez um pedido a Dr Nilo Siqueira, “peço a doutor Nilo que dê uma atenção especial as mulheres dessa cidade nos casos de violência doméstica”.  O pedido feito pela delegada se dá pelo alto número de denúncias feitas na DT referente a este crime. Segundo a delegada é um dos crimes mais comuns em Itagibá, seguindo de assédio, estupro e tráfico de drogas.

O delegado acatou ao pedido da colega e se deixou a disposição da população para quaisquer situações, garantindo aos munícipes uma atuação constante na cidade.

Doutor Nilo Siqueira ainda destacou um projeto para os próximos dias que será usado para ajudar a desenvolver os trabalhos da Polícia Civil, facilitando  a denúncia de vítimas e a participação da população: a ferramenta é a mais comum entre os brasileiros, o famoso “WhatsApp”, segundo o delegado, o mesmo estará comprando e deixando para a população o número disponível para que seja feitas denúncias e sugestões.

Ainda de acordo com Siqueira a ferramenta será usada rotineiramente e que garantirá o sigilo de cada denunciante.

Em tempo, o repórter, em nome do IPIAÚ ONLINE, fez um pedido para que os comerciantes, associações, moradores possam estar disponibilizando este aparelho para ajudar a Polícia Civil, pois é uma ferramenta importante e parabenizou o delegado pela iniciativa.

Ipiaú Online/ Mateus Oliver