Ilhéus: Tempestade destrói telhado de academia


Estrutura do telhado não resistiu à força do vento e da chuva. (Imagem: Defesa Civil de Ilhéus)
Estrutura do telhado não resistiu à força do vento e da chuva. (Imagem: Defesa Civil de Ilhéus)

As chuvas que caíram em Ilhéus nas últimas duas noites causaram estragos em vários locais da cidade. Segundo o coordenador da Defesa Civil no município, Joandre Neres, ontem (2), na zona norte, a tempestade destruiu o telhado de uma academia de ginástica localizada na rua Nossa Senhora das Graças, no bairro Malhado.

O Blog do Gusmão conversou hoje por telefone com o coordenador. Segundo ele, “na noite de quarta-feira (1º), no intervalo de cinco horas, Ilhéus registrou índice pluviométrico de 37 milímetros”.

A chuva se intensificou entre a noite de quinta e a madrugada desta sexta-feira (3). No auge do temporal, o volume da água chegou a 54 milímetros em duas horas. “Isso foi o suficiente para a gente ter mais de dez ocorrências, inclusive alagamentos, em diversos pontos da cidade”, informou Neres.

Após tempestade, estrutura do telhado ficou retorcida.
Após tempestade, estrutura do telhado ficou retorcida.

De acordo com Joandre Neres, a Rua do Cano, na zona norte, também sofreu com a tempestade. A água da chuva invadiu casas no local. A Defesa Civil recomendou que uma família da comunidade deixasse a residência por causa do alagamento. Orientados pelos técnicos, antes de sair da casa, os moradores conseguiram apoiar os móveis em pontos suspensos, o que evitou prejuízo maior. Hoje, após a vazão da água, retornaram para o imóvel.

A zona sul da cidade também sentiu os efeitos da tormenta, que arrancou parte do telhado da fábrica de sorvete Péricles, perto da entrada do bairro Nelson Costa. No Loteamento Faelba, localizado atrás do bairro Hernani Sá, a Defesa Civil contou com o apoio da Secretaria de Infraestrutura, Transporte e Trânsito e de bombeiros militares para desobstruir áreas alagadas e impedir a inundação de casas. O trabalho no local se estendeu até as 3 horas da madrugada desta sexta.

Joandre Neres informou que havia previsão de mais 32 milímetros de chuva para esta quinta. A Defesa Civil mantém-se em alerta. As pessoas em situação de risco devem entrar em contato com o órgão por meio do telefone (73) 98836-2753 e do WhatsApp 98178-2255.

Blog do Gusmão