Ipiaú: Vereadores se mobilizam contra a possível saída do escritório da Coelba do município

Da esquerda para direita: vereadores San de Paulista, Lucas de Vavá e Pery.

Diante dos rumores que surgiram nos últimos dias a respeito da possível desativação ou mudança do escritório de serviços da Coelba em ipiaú (podendo haver a transferência deste para a cidade de Jequié), os vereadores Alessandro Moreira (San de Paulista), Lucas Louzado (Lucas de Vavá) e Erivaldo Carlos (Pery), de forma preventiva, iniciaram uma articulação com Deputado Estadual Euclides Fernandes, com o intuito de que com o seu conhecimento e influência política, não permita que a população ipiauense venha a sofrer com a perda desse tão importante serviço oferecido à comunidade em geral.

Vereador San e Deputado Euclides

De acordo com informações de bastidores, por questões de redução de custo operacional, a empresa terceirizada que presta o serviço de atendimento na unidade de Ipiaú, estaria realizando a redução do seu quadro de funcionários, e com isto poderia haver o encerramento dos atendimentos em Ipiaú, obrigando a população a se deslocar até a cidade de Jequié (distante 50 Km) toda vez que houvesse a necessidade de realizar algum atendimento presencial, ou seja, os serviços que não podem ser realizados através do telefone 0800 da Coelba.

As informações ainda não foram confirmadas, contudo, um funcionário do escritório local informou que não estaria autorizado a comentar sobre o assunto, direcionando o contato para a unidade em Itabuna, responsável pela gestão da unidade em Ipiaú.

De acordo com o vereador San de Paulista, o Deputado Euclides já está ciente destas informações, buscará conhecer a realidade dos fatos e tentar com todos os esforços possíveis lutar para que a população ipiauense já tão carente de serviços não venha a ser prejudicada mais uma vez.

ASCOM Ver. San de Paulista, Lucas de Vavá e Pery


Humor: Dono da Dolly é preso e internet não perdoa, internautas fizeram brincadeiras com o mascote Dollynho

O dono da empresa de refrigerantes Dolly, Laerte Codonho, foi preso nesta quinta-feira (10). O empresário é acusado de crimes como fraude fiscal estruturada, organização criminosa e lavagem de dinheiro e o esquema teria desviado R$ 4 bilhões.

Os internautas reagiram ao assunto com diversas montagens e memes.

Nas redes sociais, brotaram muitas brincadeiras com o mascote Dollynho, que protagoniza as campanhas publicitárias dos refrigerantes da marca.

Surgiram imagens de protestos, carimbos com a mensagem “Dollynho livre”, e outros brasileiros imaginaram como seria a vida do personagem atrás das grades.

Até a música dos comerciais, “Eu sou o Dollynho, seu amiguinho”, foi adaptada após a prisão do dono da marca.

Veja abaixo alguns dos memes:

(mais…)


Ipiaú: Vereador Orlando participa de café da manhã com as mães

O vereador Orlando Santos, ao lado da prefeita Maria das Graças, Flávia Mendonça e do vereador San de Paulista, foi convidado em um café da manhã com as mães da comunidade Nestor Mesquita, em Ipiaú, nesta sexta-feira ( 11 )

O  parlamentar agradeceu pelo convite e a oportunidade de ter um contato mais direto com as mães daquela comunidade:

“Gostaria de agradecer a enfermeira Monique pelo convite para participar do café da manha com as mães da comunidade Nestor Mesquita. Parabéns a toda equipe que compõe essa Unidade pelo excelente trabalho”, disse.

Ipiaú Online


Terceiro “Encontro Ipiaú” ouve moradores do bairro Euclides Neto e emociona comunidade

 

A Prefeitura promoveu o “3°Encontro Ipiaú”, com o objetivo de prestar contas da gestão e ouvir as demandas da comunidade na noite de quinta-feira 10, no Colégio Maria das Graças, bairro Euclídes Neto.

 

O evento do Governo Participativo, contou com a exibição do vídeo de ações do primeiro ano de governo, a presença da Prefeita Maria das Graças, secretários, empresários Cesário Costa, Vicente Cardim, Flávia Mendonça e moradores locais que tiveram participação ativa.

Durante o encontro que reforça a missão da gestão que atua com compromisso e transparênca, mães e pais de família participaram e agradeceram à prefeita Maria das Graças, pelo modelo de construção de um governo que busca ouvir a voz do povo e dentro do possível, trabalhar para atender as demandas solicitadas.

Na ocasião, a prefeita Maria e os secretários corresponderam as expectativas da população que também sugeriram melhorias para as áreas do governo.

Em um momento de comoção, uma popular se emocionou ao ter o seu pedido atendido de imediato.

Também emocionada, a prefeita Maria das Graças agradeceu e junto com os secretarios do governo, tornaram o 3° Encontro Ipiaú esclarecedor e cada vez mais participativo, afinal é ouvindo a população que se constrói um futuro melhor.

Em sua fala, a prefeita Maria, garantiu que a prefeitura estará em outros bairros para dar continuidade ao trabalho que fortalece um governo participativo e melhora a vida da família ipiauense. “Estamos aqui para lutar e buscar melhorias. A participação de todos é muito importante. Todas as sugestões foram anotadas e serão analisadas para que juntos possamos fazer Ipiaú uma cidade cada vez melhor”, finalizou.

Ascom PMI

Bahia recebe R$ 28 mi mas não constrói ou amplia presídios, aponta TCU

 

O Tribunal de Contas da União emitiu relatório que aponta que a Bahia recebeu mais de R$ 28 milhões do governo federal no segundo trimestre do ano passado, mas não iniciou a construção ou ampliação de nenhum presídio. Segundo o Departamento Penitenciário Nacional, o valor foi aplicado em custeio de pessoal e “investimento”.

No entanto, a Bahia não se difere muito dos outros estados. Do montante repassado para outras unidades estaduais brasileiras, apenas 2% do valor é empregado em novas vagas para presídios. “Não houve criação de nenhuma vaga, e as equipes de fiscalização apontaram não existir qualquer indicativo de efetivo aumento da disponibilidade de vagas no sistema prisional até o fim de 2018”, falou a ministra-relatora Anna Arraes. Em todo país, Goiás foi a unidade que obteve maior índice de execução orçamentária, com 24,73%.

Bahia Notícias


Tapa na cara da sociedade: Suzane Von Richthofen deixa prisão para ‘saidinha’ de Dia das Mães

Suzane acompanhada do noivo na saída do presídio nesta quinta (10) (Foto: Luara Leimig/TV Vanguarda)

A detenta Suzane Von Richthofen, condenada a 39 anos de prisão pela morte dos pais, deixou o presídio em Tremembé (SP) às 8h10 desta quinta-feira (10) beneficiada pela saída temporária de Dia das Mães. Esse é o 3º ano consecutivo que ela é colocada provisoriamente em liberdade na data.

A saída é um benefício concedido aos presos do regime semiaberto e que tem bom comportamento. Suzane deverá retornar ao local na próxima terça-feira (15) até 17h.

Ao sair da prisão, a detenta foi recebida pelo noivo, um empresário de Angatuba (SP). Eles deixaram o local de carro. Suzane não deu entrevista. Essa deve ser a última vez que presa obtém saída temporária no Dia das Mães. Isso porque ela pleiteia o regime aberto, desde junho do ano passado, para cumprir o restante da pena em liberdade. Ela está presa em Tremembé desde 2006.

O pedido será analisado pela Justiça – a expectativa é que isso ocorra em breve, mas não há prazo.

G1

Bandidos abandonam em fazenda carga roubada avaliada em 500 mil

Uma carga avaliada em R$500 mil foi recuperada pela Polícia Civil próximo à entrada do povoado Sítio do Meio, no município de Entre Rios na Bahia.

A ação, que aconteceu na terça-feira (08) e foi divulgada nesta sexta-feira (11) pela polícia, foi realizada por policiais da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas em Rodovias (Decarga) e da delegacia de Entre Rios.

(mais…)

Projeto quer alterar nome do aeroporto de Salvador para Dois de Julho

Um projeto de indicação da Câmara dos Vereadores quer alterar o nome da Estação do Aeroporto do metrô, inaugurada no final de abril deste ano, para “Estação Aeroporto Dois de Julho”.  De acordo com o vereador autor, Hilton Coelho (Psol), a troca de nomes da estação preservaria “os valores da história da população” da Bahia. O projeto é destinado ao governador Rui Costa.

BN

Ipiaú Agenda 100 anos: Que cidade queremos para 2033?

O IPIAÚ ON LINE inicia esta semana uma série de reportagens visando debater o futuro da Terra de Rio Novo, a cidade polo da região que tem na sua base o desejo pelo desenvolvimento frustrado por várias crises, desde a cacaueira até a decepção com o ciclo do minério.

O tempo passa. Para quem tem meia idade a inauguração da Praça do Cinquentenário ainda está na memória. Acontece que já estamos completando este ano 85 anos de emancipação política. Ou seja: em 16 anos estaremos chegando ao centenário de Ipiaú, em 2033.

Quem ama sua terra quer ver o progresso chegando para evitar o crescimento da criminalidade; gerando empregos de qualidade visando que nossos filhos não tenham que migrar para os grandes centros, aumentando a renda com novos investimentos e assim trazendo a qualidade de vida tão sonhada.

Esse objetivo requer planejamento. Por não ter sido feito esse planejamento na formação da cidade é que hoje convivemos com ruas estreitas no centro, onde o trânsito e estacionamento de veículos se tornaram problemas de difícil solução. A geração que abriu essas ruas não pensou que teríamos no futuro um tráfego tão intenso. O erro se repete. Sem planejamento continuamos fazendo bairros onde as casas chegaram antes do esgotamento sanitário ou mesmo da iluminação pública.

Registro da Praça Rui Barbosa, no centro da cidade, nos idos dos anos 30

Continuando assim, a tendência é termos no centenário de Ipiaú um aumento da pobreza, da marginalidade e do subemprego.

Existem saídas que dependem de soluções administrativas, que só podem ser atingidas se desvinculadas de partidos ou grupos políticos. Os futuros prefeitos ou prefeitas precisarão ter o compromisso da continuidade das obras e projetos, gestão após gestão, já que as grandes obras não ficam prontas em quatro anos.

Para ajudar essa reflexão, estamos convidando a comunidade ipiauense, especialmente seus pensadores, a nos enviar idéias. Que Ipiaú queremos para 2033 e o que é necessário para que esse desejo de uma vida melhor se torne realidade?

Celso Rommel


Jitaúna: Equipamento é roubado na Torre de Canais de TV durante a madrugada

Durante a madrugada desta quinta-feira (10 ), um elemento ainda não identificado furtou uma pequena mesa de som de um dos transmissores de canais de TV aberta do município de Jitaúna. O furto só foi possível perceber após um técnico chegar ao local para substituir um dos transmissores que teria passado por manutenção técnica. O marginal serrou uma corrente adentrando no local e subtraindo o aparelho. A torre de transmissão de canais fica localizada na região Alto da Torre zona Rural da cidade. Um boletim de ocorrência deverá ser feito na delegacia nesta sexta-feira (11).

Jitaúna em Dia


MP da Bahia investiga cartel em postos de combustível da capital; em Ipiaú grupo segue lutando por preços mais baixos


O Ministério Público da Bahia (MP-BA), através da 5ª Promotoria de Justiça do Consumidor, instaurou um inquérito civil para investigar os sucessivos aumentos nos postos de gasolina de Salvador.

O Sindicato do Comércio de Combustíveis, Energias Alternativas e Lojas de Conveniências do Estado da Bahia (Sindicombustíveis-BA) e o Sindicato das Distribuidoras de Combustíveis do Estado da Bahia  (SindicomBA) estão sendo investigados por “manipular, acordar, combinar e ajustar” os preços dos combustíveis da capital. As ações, além de serem contra diversas leis federais, também “prejudicam os consumidores” e se configuram como uma “infração contra a ordem econômica”.

As informações são do UOL Notícias.

Na cidade de Ipiaú, um grupo de consumidores têm se unido através de grupo de WhatsApp em um movimento contra o que consideram ser prática abusiva de preços nos combustíveis.

Neste grupo de consumidores, foi criado e adotado um adesivo som o slogan “MOVIMENTO PREÇO JUSTO – IPIAÚ”, com o objetivo de chamar a atenção das autoridades municipais e consumidores, quanto à prática de preços que muitos consideram como ‘combinada’ e abusiva, já que na maioria dos postos de combustíveis da cidade os valores quase não possuem diferença entre um e outro; contudo, afirmam os integrantes do grupo que não podem alegar formação de ‘cartel’, por ausência de provas.

Valores praticados nos postos nas cidades de Ubatã, Jequié e Maracás, simultaneamente. (Fotos leitores)

De qualquer forma, a reclamação dos consumidores ipiauenses se baseiam nos valores praticados em algumas cidades da região, que apesar de situarem-se mais distantes dos pólos de distribuição de combustíveis, praticam valores abaixo dos encontrados na cidade, onde o combustível mais barato  (até esta quinta-feira, 10) era comercializado ao preço de R$ 4,37 – usando como base o preço da gasolina comum. Ou seja, uma diferença de R$ 0,48 (QUARENTA E OITO CENTAVOS) por litro de gasolina, se comparado com o preço praticado na cidade de Maracás, distante 88 Km do pólo de distribuição de combustíveis em Jequié, contra os 50 Km da cidade de Ipiaú para o mesmo pólo de distribuição.

Conforme informado ao IPIAÚ ONLINE por alguns integrantes do “MOVIMENTO PREÇO JUSTO – IPIAÚ”, estratégias de mobilização entre os consumidores e também de busca de apoio político (e se necessário até jurídico) serão realizadas em busca de um preço justo nos combustíveis na cidade.

Ipiaú Online